Jornada Brasileira de Imagens ao Vivo

Entre a partitura e o improviso………………. Fortaleza, de 13 a 23 de setembro de 2010

Por que uma Jornada de Imagens ao Vivo?

A produção de Imagens ao Vivo propõe uma nova forma de fazer e interagir com imagens e sons. Além da edição em tempo real, diante dos espectadores talvez, outra característica desta arte parece se afirmar com igual potência: são resultantes de um processo de afirmação de autonomia por parte de criadores, produtores e públicos diante das normatizações do sistema de produção e exibição dominante constituído e projetado a partir dos Estados Unidos.

Na América Latina, o Brasil tem se destacado na produção de obras deste tipo. Nas mostras anuais que se sucedem em São Paulo e Rio de Janeiro mais de quarenta artistas já se apresentaram. Este ano o Itaú Cultural levou mostras mais simplificadas para Curitiba e Belo Horizonte.

Bruno Vianna recria a cada sessão o filme Ressaca

Percebemos também em Fortaleza a necessidade de lançar olhares sobre essas práticas audiovisuais que não correspondem aos padrões desenhados e desejados pela grande indústria. Interessa–nos evidenciar a produção de Imagens ao vivo, esta forma de produção criativa impossível de ser assimilada pela atual disposição da indústria cinematográfica.

Anúncios

1 Comentário»

  Geovana wrote @

massa


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: